Maternidade

A maternidade real

Então, que história é essa de maternidade real?

A verdade é que durante muitos anos as mulheres não tinham coragem de dizer que estavam insatisfeitas com sua vida de mãe, não que se arrependessem ou algo assim, mas simplesmente que ser mãe não é tão fácil e maravilhoso como a mídia e a sociedade propõem.

Ultimamente muito tem se falado então sobre a verdade em relação à maternidade, principalmente em relação ao puerpério, um dos momentos mais difíceis para as mamães.

Acredito que o fato de as mulheres estarem cada vez mais impondo suas forças, se colocando frente aos desafios de existir em uma sociedade que ainda tem um pensamento quase medieval, está ajudando a fazer com que as mães se libertem!

Empoderamento feminino

14012710_1287744207905342_1541460200_o

Fico muito feliz em ver que o “feminismo” está conseguindo seu espaço nas redes sociais, e tenho esperanças que consigamos mesmo acabar com a cultura do estupro e com o machismo que encontramos até mesmo em outras mulheres.

Todo esse movimento pode fazer muito bem à nossa sociedade, pois dessa forma teremos famílias mais unidas, mais fortes, com mais amor, e consequentemente uma comunidade mais amorosa, com menos violência.

Sem machismo, teremos igualdade, teremos homens e mulheres criando as crianças, teremos meninos e meninas dividindo os brinquedos, sem julgamentos, e uma criação assim só pode transformas nosso mundo em lugar melhor.

Maternidade idealizada

14002353_1287744301238666_1821111348_o

A novela mostra lá as mamães muito felizes com seus filhos que dormem a noite inteira, que não tem dificuldade pra amamentar, e o papai alegre jogando futebol com o menininho…

Aí, as mulheres que já cresceram acreditando nesse ser mágico e ilusório que é o príncipe encantado, acreditam também nessa baboseira, e quando chega sua vez de ser mãe, percebem que não está sendo muito parecido com a novela. Ela conclui então, que deve ser uma péssima mãe, e que só com ela que é assim, portanto ela deve colocar um sorriso amarelo na cara e fingir que está tudo bem.

Porém, por trás desse sorriso feliz está uma mãe cansada, estressada, que não aguenta mais seus filhos “mau educados” que não sei porque diabos não são bonzinhos como as crianças da novela, e o que ela faz? Bate! Passando pra frente um sentimento de frustração e ódio, e um ciclo de violência que provavelmente irá se repetir na próxima geração.

14045216_1287744271238669_133144190_o

Por isso é importante falarmos a verdade sobre a maternidade. Não estou dizendo que é tudo horrível e que ninguém deveria ser mãe, pelo contrário, é maravilhoso, mas é real! Assim como a realidade da vida, existem muitas dificuldades!

É importante que as mães saibam que não estão sozinhas, que elas não são péssimas mães só porque sua criança não é como aquela da novela. Nem todos os bebês dormem bem, nem todas as mulheres tem facilidade para amamentar, crianças de dois anos fazem muita birra, educar não é nada fácil, e bater só piora as coisas!

As mães do youtube

Eu acompanho algumas “mommytubers”, e devo dizer que tenho visto cada vez mais mães com coragem de falar abertamente sobre a maternidade. Vou colocar o link de duas que são bem diferentes aqui pra quem quiser acompanhar.

Flávia Calina

Esse canal pode servir como exemplo de maternidade idealizada, mas também tem algumas informações úteis, e eu gosto da parte da educação positiva que ela escolheu divulgar.

A Flávia dá ótimas dicas de como educar sua criança com amor, acho que ela é a mãe mais paciente que eu já vi na minha vida. Também dá sugestões de atividades pedagógicas, já que ela é professora infantil além de youtuber.

No entanto, ela prefere não mostrar os momentos “difíceis” da maternidade para não expor a filha, então acaba sendo um canal bem “perfeitinho”, tipo a mãe ideal. É importante saber que ela tomou a decisão de mostrar apenas esse lado da maternidade e essa não é a vida dela, e nem deve ser a sua. Eu me sinto meio frustrada quando assisto ela, pois fico me achando uma péssima mãe, mas aí eu me lembro que ali só está o palco, os bastidores ela não mostra, então muita calma nessa hora! Hehehehe…

flavia calina

Hel Mother

Essa eu descobri recentemente e simplesmente adorei, ela fala tudo o que todas as mães tem vontade de falar e tenho certeza que a grande maioria de nós se identifica totalmente!

Ela é muuuuito engraçada, e fala bastante sobre a importância da presença do homem na criação dos filhos. Tudo com muito humor e muita sinceridade.

helmother

 

Basta clicar nas imagens para irem para os canais, divirtam-se e acima de tudo, pensem e reflitam sobre o que elas tem pra falar.

Bjks.

Anúncios

8 comentários em “A maternidade real

  1. Muito legal. Estou começando minha jornada de mãe agora. Meu baby está com sete meses e realmente não é nada fácil.
    Já vi alguns vídeos das youtubers que você colocou e gosto da proposta das duas… mas é sempre bom termos em mente que cada uma é única e cada um tem o seu jeitinho de cuidar do pimpolho… às vezes vejo muitas comparações entre as mães, forma de criar e tal. Claro que sempre podemos melhorar em algo, mas tenho percebido muitos julgamentos, principalmente de outras mães.
    Abraços
    Gostei do seu post 😀😍

    Curtido por 1 pessoa

  2. Olá, adorei o seu post! É verdade, quando viramos mãe nós vemos a realidade que é criar e educar uma criança, tomamos aquele susto, e pensamos realmente se estamos fazendo certo, porque você nunca ouviu ninguém falar dessa parte difícil, mas ainda bem que tudo passa!!! Também sigo a Flavia Calina, e adoro, mas também me incomodo um pouco com a perfeição, faz parte! Bjos

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s