Maternidade

Para as mamães desesperadas

Se você é uma mamãe que nesse momento se encontra em PLENO DESESPERO, e isso pode ser por motivos variados, eu quero dizer que escrevi esse post para tentar ajudar.

mamaes-desesperadas

Eu fui uma mãe desesperada durante muito tempo. Pra começar era mãe de primeira viagem (ainda sou), o que por si só já é motivo de desespero, depois minha filha era daquelas que só queria colo o tempo inteiro, e também não era muito chegada em uma coisinha chamada “sono”.

Pois bem, eu vivia feito um zumbi, sem dormir, sem comer, sem tomar um banho decente. Achava que estava fazendo algo errado, que minha criança tinha algum problema. Fora isso, ela vivia doentinha, com o nariz entupido e não era de ganhar muito peso.

vida-de-mae

Obviamente eu ouvia muitos pitacos, desde o seu leite é fraco até deixa ela dormir lá em casa… (cara de alface). Era insegura e essas intromissões mexiam muito comigo, me sentia cada vez mais culpada e irritada com o mundo.

Contudo, minha filha era uma criança sorridente e muito feliz. Inteligente, começou a cantar musiquinhas e falar algumas palavrinhas. Foi crescendo e meu desespero diminuindo.

mae-furiosa

Mas aí, chegou a fase dos dois anos. Aquela menininha linda se transforma de repente em um monstrinho que dá vontade de jogar pela janela (não me julguem, era só vontade, quem nunca?). E o desespero foi voltando, será que eu estava fazendo alguma coisa errada? Minha filha seria uma criança mal educada, mimada, que iria fumar crack e votar no Bolsonaro?

depressao-pos-parto

Bom, como boa leitora que sou, recorri aos livros, e pude entender que toda aquela bagunça era parte normal do desenvolvimento, que tudo estava indo muito bem até agora, apesar de todo desespero.

Mesmo minha filha já estando com dois anos, eu ainda me sentia muito sufocada pela maternidade, não tinha tempo pra fazer minhas coisas, ela demandava atenção o tempo todo e eu vivia pensando que queria minha vida de volta. E o maior desespero de todos era pensar que talvez minha vida nunca mais seria a mesma.

É, realmente minha vida não é mais a mesma. No entanto, agora que minha menina está maiorzinha, começou a viver a vida dela. E adivinhem, dessa forma tenho mais liberdade para viver a minha.

mae-e-bebe

Acho que o ideal para você lidar com o desespero é não esquecer de si mesma, não se perder em meio a maternidade como eu fiz. Eu me abandonei, e com isso não sabia mais quem eu era e em que lugar em minha vida iria ficar minha filha. Comecei a fazer esse blog muito por causa disso, para ter algo meu, alguma coisa que me ajudasse a me reencontrar.

Pois bem, o que aprendi e a mensagem que quero passar aqui é: Por mais que você esteja desesperada agora, tudo vai passar, tudo vai melhorar. As crianças crescem e quando isso acontece as coisas melhoram sim.

Pessoas costumavam me dizer que quando os filhos crescem os problemas só aumentam, e eu percebo que isso não não é verdade. Os conflitos são diferentes, mas você também está diferente, mais experiente na arte da maternidade, e assim tudo se resolve mais facilmente. Então, se alguém vier com esse papo pra você, faz cara de alface e sai andando, porque as coisas vão melhorar sim senhora!

Eles crescem e sabe o que acontece?

amigos-do-bebe

A vida fica tão tranquila que você começa a pensar em ter outro filho! Mãe é um treco louco ou não é?!!!

Espero ter ajudado alguém!

Bjks.

Anúncios

4 comentários em “Para as mamães desesperadas

  1. É assim dessa forma, sem tira nem por… E aqui, quando a Marina estava com 5 anos e já bem independente no dia a dia, veio a Luísa! começamos tudo novamente, mas casa está transbordando de amor e o segundo é bem mais tranquilo. beijos!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s